uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Mercados municipais precisam de dinamização

Edição de 26.04.2018 | O MIRANTE dos Leitores

Sinto alguma tristeza quando verifico que os vários mercados municipais, nas várias cidades, vilas e aldeias do nosso distrito de Santarém, estão a definhar, sem que apareçam estratégias para inverter esta situação. Há mercados que são espaços históricos, como o de Santarém, situados em zonas nobres das localidades, e que podiam ter alguma vida. Os tempos são outros, é verdade, mas considero que o que está em causa não é a concorrência das grandes superfícies. É sim a falta de dinamização e de condições para atrair pessoas a estes espaços.
A este propósito é de saudar a iniciativa da Câmara de Almeirim em requalificar o seu mercado, colocando também nesse espaço serviços públicos. Ora aqui está uma boa ideia para atrair pessoas ao local. Se os espaços forem atractivos e tiverem pessoas, sobretudo vendedores, que são cada vez menos, pode-se criar importantes centros nos centros das terras. Ainda vamos a tempo de inverter o esquecimento a que estes mercados foram votados, em muitos casos, pelo poder local desde há décadas, de que a falta de estacionamento é um exemplo.
Que saudades tenho eu do tempo em que os mercados municipais eram uma paragem obrigatória, onde se trocavam dois dedos de conversa, onde se sabiam as novidades, onde se vendia, comprava e convivia e até se faziam amizades.
Manuel de Oliveira

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...