uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Condutora que atropelou mortalmente um peregrino fica em liberdade

Edição de 24.05.2018 | O MIRANTE dos Leitores

Como é que é possível a condutora que atropelou mortalmente um peregrino e feriu mais cinco, que iam em direcção a Fátima, ter ficado em liberdade? Esta é uma situação grave e o facto da condutora ter fugido do local ainda agrava mais o caso. A justiça tem que ter mão mais pesada nesta e noutras situações senão arriscamo-nos a que Portugal se transforme num país de terceiro mundo onde tudo é permitido e não há sanções para quem comete erros graves.
Laura Miguel

Um comentário como o meu é um mero comentário e vale o que vale mas como cidadão com direito a expressar as minhas opiniões e como interessado na aplicação da justiça penso que a medida de coacção é muito branda. A senhora matou uma pessoa e feriu outras e apesar de ser bombeira, embora não no activo, fugiu do local em vez de fazer o que deveria fazer que era prestar auxílio. A sentença diz ainda que ela, para além de ter que entregar a carta voluntariamente, de ter que se apresentar semanalmente às autoridades e de não sair da aldeia onde reside, não pode contactar com toxicodependentes. Como não deve andar a tratar deles presumo que seja consumidora. Sendo assim, deveria ser internada ou pelo menos ficar em prisão domiciliária. Presumo que já não temos dinheiro para pulseiras electrónicas pois só isso justifica não lhe terem colocado uma. E já agora, espero que os bombeiros torrejanos a expulsem de imediato do quadro de reserva.
Joaquim Carlos de Castro Lourenço

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...