uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Luís Boavida morreu aos 56 anos vítima de tumor cerebral
Luís Boavida

Luís Boavida morreu aos 56 anos vítima de tumor cerebral

Foi candidato do PSD à Câmara de Tomar mas foi obrigado a desistir por causa da doença.

Edição de 31.05.2018 | Sociedade

Luís Boavida morreu no dia 27 de Maio, aos 56 anos, no Hospital de Tomar, vítima de tumor cerebral. Foi o candidato do PSD à Câmara de Tomar nas últimas eleições autárquicas, um desejo que acalentava há vários anos, mas viu-se obrigado a desistir depois de lhe ter sido diagnosticada a doença, após se ter sentido mal durante um jantar com amigos em Junho de 2017. Após uma operação ao cérebro fez tratamentos de quimio e radioterapia.
Foi depois desta situação que decidiu criar, a 21 de Outubro do ano passado, no dia em que celebrou 56 anos de vida, a Associação Luís Boavida. Como sempre foi uma pessoa activa e interventiva na comunidade começou a pensar que poderia ajudar as pessoas mais carenciadas e doentes, explicou em entrevista a O MIRANTE publicada em Dezembro de 2017.
Luís Boavida era casado há 28 anos com Isabel Boavida, advogada e eleita pelo PSD na Assembleia Municipal de Tomar. Deixa um filho, de 26 anos, licenciado em medicina e interno no Hospital de Santa Maria, em Lisboa.
Desde muito jovem ligado ao associativismo, abraçou diversos projectos. Foi um dos fundadores da Escola de Futebol de Tomar. Era dirigente do CIRE (Centro de Integração e Reabilitação de Tomar), da Misericórdia de Tomar; do Lar de São José; dos Forcados Amadores de Tomar, da Associação dos Antigos Alunos do Liceu de Tomar e do Sporting de Tomar, entre outros. Boavida era licenciado em Administração e Gestão de Empresas pela Universidade Católica Portuguesa e técnico superior na Câmara de Tomar desde 1990.

Votos de pesar pela morte de Luís Boavida
O executivo municipal de Tomar aprovou um voto de pesar pela morte de Luís Boavida na reunião de segunda-feira, 28 de Maio, tendo sido cumprido um minuto de silêncio. Os vereadores do PSD optaram por adoptar um postura de silêncio durante toda a reunião por respeito à memória do falecido.”Um exemplo de dedicação e de profissionalismo amplamente reconhecido. Um Homem de amizade fácil e contagiante, um amigo, um companheiro de todas as horas”, refere o voto de pesar.
Também o PSD de Tomar emitiu uma nota de pesar pela morte de Boavida.“O Partido Social Democrata de Tomar perde um dos seus mais distintos militantes e Tomar sofre também uma perda que nos enche a todos de enorme consternação e profunda tristeza. A presença e a acção de Luís Boavida ultrapassam, em muito, a área profissional a que dedicou a sua vida. Foi, igualmente, uma personalidade de referência na sociedade tomarense, que deixa a sua marca indelével no concelho de Tomar no plano associativo, social, desportivo e político”, refere o partido.

Luís Boavida morreu aos 56 anos vítima de tumor cerebral

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...