uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Almeirim deu-se a conhecer em congresso mundial de jornalistas
Pedro Ribeiro, presidente da Câmara de Almeirim, diz que está em curso a certificação, junto da União Europeia, da sopa da pedra, do melão e das caralhotas

Almeirim deu-se a conhecer em congresso mundial de jornalistas

Edição de 14.06.2018 | World News Media Congress

Jornalistas e editores de 59 países tomaram contacto com as tradições da região ribatejana e as iguarias típicas de Almeirim, onde a Sopa da Pedra foi a rainha da festa.
O MIRANTE, a Confraria Gastronómica de Almeirim, a Adega Cooperativa de Almeirim e a Quinta da Alorna, foram os representantes da região e do concelho no evento. A Sopa da Pedra foi a rainha da festa com Rui Figueiredo, João Paulo Simões, Veríssimo Figueiredo e Frederico Cláudio a cozinharem 250 litros da sopa mais famosa do país.
“Almeirim é conhecida pela sua sopa da pedra mas temos outras iguarias, como as caralhotas, o melão e os vinhos. Queremos divulgar e dar a conhecer a cada vez mais pessoas a sopa da pedra”, explica Rui Figueiredo. A confraria completou, no dia 20 de Maio, o seu 14º aniversário e tem mais actividade que nunca. “Nos primeiros seis meses do ano já estivemos presentes e a representar Almeirim em 32 eventos. Trabalhamos para representar a nossa terra e a nossa região e, com isso, conseguir-mos também mais visitantes e retorno económico para Almeirim”, explica. Depois do congresso a confraria vai abrandar o ritmo, explica Rui Figueiredo, em preparação para o Festival da Sopa da Pedra, que arranca a 29 de Agosto e se prolonga até 2 de Setembro.

Presença de Almeirim em congresso do Estoril foi “importante”
A divulgação de Almeirim e do Ribatejo no World News Media Congress foi considerado “muito importante” por Ceia da Silva, presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo. “Este foi um evento que permitiu divulgar não só Almeirim como toda a região do Ribatejo junto de líderes de opinião e que gerou uma forte dinâmica. Foi um evento de grande relevância e uma excelente ideia. A gastronomia e os vinhos têm uma dinâmica muito forte em Almeirim e foi uma aposta certa levar e mostrar o que de melhor a região tem”, explica a
O MIRANTE.
Também o presidente da Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo e da Câmara de Almeirim, Pedro Ribeiro, reputou de “muito importante” a presença de Almeirim neste evento internacional de jornalistas. “Espero que tenham comido bem, gostado do que provaram e que possam voltar a Portugal e a Almeirim, que saibam que somos um país onde se come bem. Com a nossa localização e gastronomia, Almeirim tem tudo para poder captar mais turismo”. O autarca adianta que está em curso a certificação, junto da União Europeia, da sopa da pedra, do melão e das caralhotas.

Imprensa regional tem papel decisivo na promoção turística
Os media regionais e de proximidade têm um papel “decisivo”, “fundamental” e “determinante” para a promoção turística das diferentes regiões e também para uma melhor e maior informação às comunidades. A opinião é de vários responsáveis que O MIRANTE ouviu à margem da realização do World News Media Congress.
“Estou muito feliz e agradeço a todos os que acreditaram neste evento, como foi o caso de O MIRANTE”, disse à nossa reportagem João Palmeiro, presidente da Associação Portuguesa de Imprensa.
Também Ceia da Silva, presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, considera que os jornais regionais “têm uma relevância muito especial” na promoção dos traços mais distintivos de cada comunidade. “Os jornais regionais têm um papel decisivo na promoção do turismo e das suas populações. Ninguém está mais perto que os jornais regionais”, defende.
A O MIRANTE o presidente da Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo e da Câmara de Almeirim, Pedro Ribeiro, considera que cada vez mais as populações confiam na imprensa regional para saber o que acontece nas suas zonas de conforto. “Num mundo cada vez mais globalizado as pessoas vão tendo um olhar especial para o jornalismo de proximidade e quem conseguir dar essas notícias vai ter uma vantagem competitiva face aos jornais nacionais”, defende.

Brancos e tintos para todos os gostos
Romeu Gonçalves, enólogo da Adega Cooperativa de Almeirim, não teve mãos a medir nas provas de vinhos. A aposta forte foi num vinho à base da casta Fernão Pires, tipicamente portuguesa. “Na área dos vinhos também a Quinta da Alorna mostrou o melhor que tem em armazém, com João Miguel Calado, representante da quinta, a apostar num touriga nacional tinto para acompanhar a sopa da pedra. A julgar pelas reacções dos visitantes, a aposta foi ganha.

António Ceia da Silva, presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, valorizou o papel da divulgação da gastronomia e dos vinhos de Almeirim
Almeirim deu-se a conhecer em congresso mundial de jornalistas

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido

    Destaques