uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Prisão preventiva para suspeito de pedofilia em Abrantes

Quando soube que estava a ser investigado “coagiu a vítima e seus familiares” ameaçando-os de morte para que não colaborassem com as autoridades.

Edição de 21.06.2018 | Sociedade

Um homem de 40 anos, residente no Pego, concelho de Abrantes, ficou em prisão preventiva por estar indiciado pela autoria de um crime de abuso sexual de crianças agravado e de dois crimes de coacção agravada.
Segundo informou a Procuradoria da Comarca de Santarém, o indivíduo foi presente no dia 12 de Junho a primeiro interrogatório judicial tendo-lhe sido decretada a medida de coacção de prisão preventiva “face à moldura abstracta máxima de prisão aplicável (20 anos de prisão) a todos os crimes indiciados e perante a probabilidade séria de condenação em prisão efectiva em sede de julgamento”.
Quando o arguido soube que estava a ser investigado, “coagiu a vítima e seus familiares”, ameaçando-os de morte para que não colaborassem com as autoridades.
Os factos relativos ao abuso sexual tiveram lugar durante o Verão de 2016 (na pessoa de uma menor, na altura com 11 anos de idade) e os crimes de coacção agravada no passado dia 7 de Maio, sempre na localidade do Pego, pode ler-se na mesma informação.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido

    Destaques