uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Autarcas de Benavente criticam má qualidade da água da torneira
Eleitos encheram garrafas e entregaram-nas ao presidente da câmara para provarem as suas acusações

Autarcas de Benavente criticam má qualidade da água da torneira

Alguns eleitos da Assembleia Municipal de Benavente dizem que a água distribuída pela Águas do Ribatejo é de má qualidade e até houve quem oferecesse ao presidente da câmara, Carlos Coutinho, garrafas com água suja para atestar as acusações.

Edição de 05.07.2018 | Sociedade

Água turva, cheia de resíduos e imprópria para consumo durante vários dias da semana e em horários diferentes. Foi desta forma que alguns eleitos da Assembleia Municipal de Benavente criticaram o que dizem ser a má qualidade da água que chega às torneiras das suas habitações fornecida pela empresa intermunicipal Águas do Ribatejo. As queixas vão desde Santo Estêvão a Benavente.
Para atestar as acusações uma das eleitas, Cristina Branco, do PSD, fez questão de entregar a Carlos Coutinho (CDU), presidente da câmara, várias garrafas de água castanha recolhida nas torneiras da sua habitação em diferentes dias da semana. Cristina Branco, que já anteriormente se queixara da falta de qualidade da água, lamentou que, “passado todo este tempo” o problema se mantenha “exactamente na mesma” e que nada tenha sido feito para o resolver.
Também Dora Morgado, do PSD, confessou estar “muito zangada” com a situação e apelou ao executivo que pressione a empresa para resolver o assunto de uma vez por todas. “Ainda há poucos dias, ao final do dia, ao tomar banho fiquei a pensar que tinha feito um trabalho severo porque a banheira ficou completamente cheia de areia e a água toda castanha. Se eu trabalhasse na Águas do Ribatejo iria ter vergonha do serviço prestado à comunidade. Esta falta de qualidade é insuportável, é preciso tomar medidas”, criticou. Dora Morgado também preparou garrafas com água para entregar a Carlos Coutinho.

Presidente fez chegar queixas à empresa
Actualmente a vereadora da CDU no executivo da Câmara de Benavente, Catarina Pinheiro do Vale, é vogal do conselho de administração da Águas do Ribatejo, tendo tomado nota das queixas. Mas foi Carlos Coutinho, líder do executivo, que prometeu ter uma mão mais firme na actuação com aquela empresa intermunicipal que gere o abastecimento de água à população.
“Já fizemos chegar à empresa as queixas que nos fizeram na última assembleia. Das análises químicas e bacteriológicas que são feitas na captação e nos pontos de distribuição os resultados são bastante bons. Ainda assim a nossa intervenção será no sentido de exigir que as coisas melhorem”, reivindicou o autarca.
Carlos Coutinho apelou aos eleitos para que, “no momento em que se registam problemas”, os casos possam ser reportados directamente, para que os piquetes possam avaliar a situação. “Pode tratar-se de uma ruptura ou partículas acumuladas nas canalizações que se soltam com a pressão. Devemos perceber se isto é uma situação contínua ou não. As equipas deviam purgar a rede sempre que há uma intervenção e se não o fizerem é na casa dos consumidores que essa purga acaba por ser feita”, critica. O autarca refere, contudo, que “de forma generalizada” não há registo de problemas e dá o exemplo da zona onde vive, em Samora Correia.

Autarcas de Benavente criticam má qualidade da água da torneira

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido

    Destaques