uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
O leão do marketing em Cannes é de Alverca
Diogo diz que Alverca tem uma identidade muito própria mas precisa de se aproximar mais do Ribatejo

O leão do marketing em Cannes é de Alverca

Diogo Vasques tem 26 anos, é de Alverca e foi a Cannes conquistar o ouro no concurso Young Lions, no 65º Festival Internacional de Criatividade Cannes Lions. O futebol e a expressão portuguesa “dar um bigode” foram a sua inspiração.

Edição de 05.07.2018 | Sociedade

Diogo Vasques e Ana Rita Almeida formam a dupla portuguesa vencedora do Leão de Ouro, na categoria de “marketing”, do 65º Festival Internacional de Criatividade Cannes Lions, que decorreu em Cannes, França, no passado mês de Junho.
Diogo Vasques, 26 anos, natural de Alverca (Vila Franca de Xira), trabalha actualmente na Caixa Económica Montepio Geral, em Lisboa, e foi pela terceira vez a Cannes, representar Portugal nesse festival internacional de criatividade. Desta vez trouxe o ouro para casa, com um projecto que juntou futebol e bigodes a uma causa dedicada à saúde masculina.
O briefing foi apresentado às 18 equipas a concurso e a partir daí tinham 30 horas para desenvolver e apresentar o projecto mais criativo e com mais hipóteses de se tornar num produto ou serviço, para fazer crescer o número de apoiantes e seguidores da Movember Foundation - organização para a saúde masculina. Desta vez foi fácil chegar à ideia a desenvolver, uma surpresa para Diogo já que normalmente é “muito crítico em relação às ideias” que surgem.
Os portugueses e a língua portuguesa foram a inspiração da equipa, que criou um produto-serviço, para uma loja portuguesa de desporto, que liga o facto de grupos de amigos em Portugal se juntarem para jogar futebol à expressão de vitória - “dar um bigode” (vencer com grande vantagem). “Criamos uma linha de t-shirts ao estilo vintage, para jogar futebol, cada uma com um bigode icónico, na gola, de um jogador de futebol, como o Chalana (Portugal), Valderrama (Colômbia) e Rivellino (Brasil)”.
A ideia era que cada vez que se marcasse um golo, a equipa encostasse o bigode em sinal de festejo”, explica o jovem,
a O MIRANTE. Para que não houvesse dúvidas, as instruções para festejar o golo com o bigode vinham na etiqueta da t-shirt. Na plataforma da Movember, as pessoas também podiam adquirir as t-shirts e convidar equipas para jogar à bola, em campos de futebol que seriam financiados pela loja de desporto portuguesa.
“Aproveitamos a noite para chegar à ideia e foi logo esta. Uma ideia simples, que não deixou dúvidas. Só dormimos duas horas, mas acredito que o facto de ter pouco tempo me torna mais focado e com mais agilidade mental”, conta Diogo. Esta conquista “é uma grande distinção e muito significativa para a indústria da publicidade e criatividade, que pode abrir novas portas”, sublinha.
E se o desafio fosse promover Alverca? Diogo diz que se focava no rio Tejo e zona ribeirinha e na ligação à aviação. “Alverca está desligada daquilo que é o Ribatejo, mas tem uma identidade muito própria que pode ser explorada. Se na Lourinhã tudo tem a ver com dinossauros, em Alverca temos os aviões”.

Queria ser jornalista mas acabou no marketing

“Queria ser jornalista. Sempre soube que queria ir para a área da comunicação”, diz o jovem. Por uma décima ficou colocado na sua segunda opção - Comunicação Empresarial e Relações Públicas - e só após a licenciatura se virou para o marketing, no mestrado. Sente que saiu bem preparado da faculdade e que a entrada no mundo do trabalho “não foi um choque”.
Trabalhou numa agência de comunicação, numa startup portuguesa e na Microsoft. Foi nesta última que diz ter feito o projecto que mais gozo lhe deu - o lançamento do Windows 10 em Portugal. “Lembro-me que mal dormi nessa noite”, recorda.
Actualmente trabalha o marketing digital e o contacto com os clientes no Montepio. Na área do marketing, independentemente da empresa para a qual se trabalha, para o jovem, o mais importante é “sabermos colocar-nos na pele do consumidor”, a par com a criatividade e sem esquecer a importância dos números.

O leão do marketing em Cannes é de Alverca

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido

    Destaques