uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
“O Ribatejo é a melhor região do país para se tourear”
Filipe Gonçalves guarda boas memórias da Praça de Santarém

“O Ribatejo é a melhor região do país para se tourear”

Edição de 27.07.2018 | Sociedade

“O Ribatejo é a melhor região para se tourear”. Para os cavaleiros tauromáquicos Luís Rouxinol, Filipe Gonçalves e Francisco Palha que tourearam na Segunda Corrida O MIRANTE, na quinta-feira, 19 de Julho, no Campo Pequeno, o Ribatejo é a melhor região do país para se tourear. Segundo eles, para além de ser a região onde se situa a maioria das ganadarias e coudelarias, é também aquela onde se encontra a maior parte dos aficionados.
“O Ribatejo é o centro da tauromaquia. É onde existem mais corridas de toiros e onde se toureia mais”, explica Luís Rouxinol. Mas o cavaleiro faz questão de explicar algumas particularidades. Diz que, se Santarém lhe traz boas recordações pelos triunfos ali obtidos, Vila Franca de Xira é para ele a terra que tem a ‘aficion’ mais exigente.
“Uma terra com uma ‘aficion’ como a de Vila Franca de Xira marca pela positiva qualquer toureiro que ali obtenha um triunfo”, sublinha. A mesma opinião é partilhada por Filipe Gonçalves. “Lá, nós sentimo-nos mais dentro da tauromaquia e das tradições”, refere.
Luís Rouxinol volta a Santarém para explicar porque é que a praça Celestino Graça funciona para ele como um talismã. “A minha alternativa foi lá, a 10 de Junho de 1987, numa das saudosas corridas da Rádio Renascença. Um momento único que faz com que Santarém me traga sempre boas recordações”.
Também Filipe Gonçalves tem boas memórias da praça de Santarém. “Naquela praça as corridas correram-me sempre bastante bem e já lá tive já grandes triunfos”, conta o cavaleiro tauromáquico algarvio.

“O Ribatejo é a melhor região do país para se tourear”

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...