uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Moradores e autarcas querem reparação urgente da estrada da Vala do Carregado
Estrada na Vala do Carregado é perigosa e precisa de reparação urgente

Moradores e autarcas querem reparação urgente da estrada da Vala do Carregado

Acesso está muito degradado e quem ali vive queixa-se de problemas nos automóveis

Edição de 03.08.2018 | Sociedade

Empedrado em mau estado e com pedras soltas, desníveis profundos, buracos e falta de lombas que obriguem os condutores a reduzir a velocidade são alguns dos vários problemas da Estrada Nacional 1-3 (EN1-3) que atravessa a localidade da Vala do Carregado, na freguesia de Castanheira do Ribatejo, Vila Franca de Xira.
Vários moradores, e agora também os autarcas, estão fartos de que o assunto ande num jogo do empurra há anos entre a Câmara de Vila Franca de Xira e a Infraestruturas de Portugal (IP) e exigem que seja feita uma requalificação e reparação urgente da via.
Numa das últimas sessões da Assembleia de Freguesia da Castanheira do Ribatejo e Cachoeiras o caso foi também referido, através de uma proposta do PS a exigir obras na estrada. Mas como o documento não teve qualquer sequência prática, na última sessão, realizada no dia 28 de Junho, os eleitos voltaram à carga, através de uma nova proposta da CDU aprovada por unanimidade, onde exigem que desta vez se façam os trabalhos e que não haja mais desculpas.
O documento quer que o município seja oficiado no sentido de “desenvolver contactos” com a IP “tendentes à requalificação e beneficiação” final daquela via, “em toda a sua extensão” e “que, se necessário, a câmara municipal assuma a execução do estudo prévio, projecto de execução e realização da obra, celebrando para o efeito um protocolo com a IP, por forma a que possa ser ressarcida do investimento efectuado”.
O presidente da junta, Luís Almeida (CDU), admite que o local é perigoso e lamenta que a resolução do problema ande embrulhado há anos num braço de ferro entre a câmara e a IP. O autarca lembrou durante a assembleia que, a pedido da junta, até as autoridades policiais já estiveram no local com radares para apanhar quem se desloca em excesso de velocidade, apesar do mau estado do piso.
“Cada vez que falo deste assunto arrepio-me. Há muitos anos que lembramos a câmara para a falta de segurança daquela estrada, que está cada vez mais perigosa e Deus queira que não aconteça ali um problema fatídico ou que alguém se aleije. A câmara sabe, a protecção civil e a GNR sabem e a IP sabe do estado daquela estrada. Não reparam porque não querem”, critica Luís Almeida .

Moradores e autarcas querem reparação urgente da estrada da Vala do Carregado

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...