uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Polícia de Vila Franca de Xira em segundo lugar na Subida à Glória
Pedro Garcia ficou em 2º lugar na subida à Glória - foto DR

Polícia de Vila Franca de Xira em segundo lugar na Subida à Glória

Pedro Garcia, natural do concelho de Almeirim, começou no futebol mas entretanto dedicou-se ao ciclismo

Edição de 03.10.2018 | Desporto

Pedro Garcia, 30 anos, natural de Marianos (concelho de Almeirim) e polícia em Vila Franca de Xira, ficou em segundo lugar na mítica Subida à Glória, que decorreu na noite de sábado, 22 de Setembro, em Lisboa numa prova vencida por Tiago Simões.
Pedro Garcia diz que foi uma noite inesquecível. “Nunca senti tanto apoio e carinho e isso devo-o a todos aqueles que me apoiaram, família e amigos que tiveram junto de mim neste dia, assim como, a todos os que o demonstraram através das mais variadas formas”, disse.
“Quanto à prova, a história repetiu-se, mais um 2º lugar, trabalhei bastante para me apresentar bem, embora as sensações não fossem as melhores, contudo, na final fui surpreendido pelo forte arranque do Salgueiro e tentei tudo até aos últimos metros, mas ele não cedeu, mostrando-se mais forte e dou-lhe os meus parabéns por esta vitória”, acrescentou.
O agente da PSP participou pela quarta vez e já venceu a prova em 2016 e no ano seguinte obteve o segundo lugar. Pedro sempre gostou da actividade desportiva, embora a bicicleta seja uma paixão recente. Primeiro andou pelo futebol nas camadas jovens do União de Almeirim, mas a sua profissão de polícia fê-lo mudar de residência para Alverca e a partir desse momento ficou sem tempo para os treinos de futebol.
Como nunca foi homem de ficar quieto, como contou a O MIRANTE, seguiu o conselho do seu tio para experimentar a bicicleta. Deu-se bem com aquele desporto e à segunda tentativa, em 2016, venceu a Subida à Glória.
Pedro é federado há sete anos, faz parte da equipa Associação 20kms Almeirim/Restaurante O Forno mas treina sozinho. “Cada vez tenho menos tempo para os treinos devido ao trabalho intenso. Como não tenho nenhum preparador físico nem treinador, porque isso é caro, faço os meus próprios treinos com a minha experiência”.
O polícia faz entre três a quatro treinos semanais o que representa cerca de 14 horas. No trabalho também usa a bicicleta porque “quando está bom tempo fazemos patrulhas de bicicleta”.

Polícia de Vila Franca de Xira em segundo lugar na Subida à Glória

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido