uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Autoridades registam menos roubos e agressões na Carregueira

Entre Janeiro e Agosto deste ano a GNR da Chamusca assinalou 43 crimes na freguesia

Edição de 03.10.2018 | Sociedade

Depois da Assembleia de Freguesia da Carregueira ter aprovado uma moção em que manifesta a sua preocupação com o elevado número de casos de roubo e de agressões físicas e verbais na freguesia, a GNR divulgou dados oficiais onde revela que entre Janeiro e Agosto deste ano foram registados 43 crimes na Carregueira, menos sete do que em período homólogo de 2017. Além disso, houve uma redução da criminalidade contra o património uma vez que este ano se registaram 14 crimes enquanto que, em 2017, foram verificados 21.
Tal como O MIRANTE noticiou na anterior edição, a população da Carregueira, no concelho da Chamusca, vive um sentimento de insegurança devido a assaltos e agressões que têm ocorrido. Essa situação levou os autarcas locais a tomarem posição. “O medo, a insegurança, a impotência, a injúria, a indignação fazem hoje parte do quotidiano daqueles que directamente foram e são vítimas. Todos, familiares e vizinhos sabem que, a continuar esta inoperância, são candidatos a próximas vítimas”, lia-se na moção da assembleia de freguesia.
Os autarcas decidiram ainda solicitar uma reunião conjunta com a Câmara da Chamusca, comandante do Posto Territorial e Comando da GNR de Santarém no sentido de definir uma estratégia de combate à criminalidade e devolver o sentimento de segurança a toda a população. Na moção referia-se ainda que as vítimas não apresentam queixa às autoridades com medo de represálias.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido