uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Torres Novas homenageia Hugo Santos sem a sua presença
Familiares, amigos e autarcas de Torres Novas e Campo Maior prestaram homenagem a Hugo Santos

Torres Novas homenageia Hugo Santos sem a sua presença

Escritor está hospitalizado e não compareceu à homenagem que a cidade lhe preparou

Edição de 03.10.2018 | Sociedade

O escritor Hugo Santos encontra-se hospitalizado há cerca de duas semanas vítima de um acidente vascular cerebral e por isso não compareceu à homenagem que a Câmara de Torres Novas lhe preparou, no sábado, 22 de Setembro, no auditório da Biblioteca Gustavo Pinto Lopes. A homenagem ou, como disse a sua filha, Ana Maria, “o encontro de amigos do Zé Hugo”, como o seu pai certamente preferiria, teve início com a actuação do Médio Tejo Trio, do Choral Phydellius. Seguiu-se a projecção de imagens do autor e do seu percurso de vida e a leitura de alguns dos seus poemas.
Eduardo Raposo, investigador do Centro de Humanidades da Universidade Nova de Lisboa, falou de um ser com uma sensibilidade extrema e de um escritor com emoções à flor da escrita que cultiva a arte do amor puro que contém em si todos os géneros. O investigador aproveitou também a presença de Ricardo Pereira, presidente da Câmara de Campo Maior, terra natal de Hugo Santos, para lhe pedir uma outra homenagem na sua própria terra de modo a não dar razão ao ditado “santos da casa não fazem milagres”.
Pedro Ferreira, presidente da Câmara de Torres Novas, falou de Hugo Santos como um grande cidadão e um grande munícipe torrejano. “Um vencedor, a par de outros vencedores que nos fazem orgulhar da nossa terra”, disse, referindo-se também a algumas glórias torrejanas na área do desporto.
Autor de vasta obra poética, Hugo Santos escreveu também romances e contos, tendo produzido a maior parte da sua obra em Torres Novas, cidade onde vive desde os anos 80 e onde constituiu família. Mas é à nostalgia e à imensidão do Alentejo que vai buscar a inspiração para a escrita, marcada por uma linguagem própria e recorrendo a temas como a família, o amor ou os pássaros.

Torres Novas homenageia Hugo Santos sem a sua presença

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido