uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Em vez da Festa da Flor era melhor plantar mais jacarandás no Entroncamento

Edição de 07.11.2018 | O MIRANTE dos Leitores

Não sei se o sociólogo António Barreto continua a saudar anualmente, na Primavera, o florescimento dos jacarandás de Lisboa. Eu não o faço em relação aos jacarandás da minha cidade, o Entroncamento, porque não tenho o acesso que ele tem aos grandes jornais mas como O MIRANTE é um jornal regional que dá muita atenção ao Ribatejo, envio esta fotografia de um jacarandá dos muitos que existem na Avenida da Estação (Avenida José Eduardo Victor das Neves) que, já no final deste Outubro, mantém este bonito aspecto.
A câmara municipal tem organizado um Festival da Flor mas eu acho que bastaria a plantação de ainda mais...muitos mais, jacarandás para a festa ser a própria cidade em flor. O Entroncamento que, infelizmente e por culpa da construção desenfreada verificada nos anos 80 e 90, não é uma cidade bonita (longe disso), teria uma melhor imagem, tanto para quem cá mora como para quem cá vem. Se há excursões para ver as amendoeiras em flor porque não chamar a atrenção, na Primavera e ao longo do Verão, para os jacarandás em flor do Entroncamento.
Esta árvore que raramente cresce mais que 15 metros tem um crescimento rápido, as suas raízes não são agressivas e não destroem passeios, não precisa de grandes podas e as suas flores, para além de belas, exalam um aroma muito agradável. O clima do Entroncamento parece-me ser bom para o jacarandá. Fica a sugestão.
Maria Beatriz Salvador

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...