uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Almeirim a 200 candeeiros de se tornar concelho cem por cento LED

Câmara espera poupar em electricidade cerca de 250 mil de euros por ano com iluminação pública

Edição de 13.02.2019 | Economia

Falta instalar cerca de 200 candeeiros para que Almeirim seja o primeiro concelho do distrito de Santarém com toda a iluminação pública a LED. Uma tecnologia mais amiga do ambiente e que permite grandes poupanças na factura de electricidade. De entre as luminárias que faltam substituir estão as da Rua Dionísio Saraiva, no centro da cidade, que obrigam a adaptações devido ao formato dos candeeiros, enquanto as outras apenas tiveram de ser substituídas.
Com esta aposta, a Câmara de Almeirim espera poupar cerca de 250 mil euros por ano. Até ao início de Fevereiro, a autarquia já substituiu 98 por cento das luminárias, espalhadas por Almeirim, Fazendas de Almeirim, Benfica do Ribatejo e Raposa. Este projecto pretende gerar uma poupança de 57 por cento do consumo de energia e reduzir o CO2 em 383 toneladas por ano.
O projecto teve início em 2014 e envolve os 11 municípios da Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo (CIMLT), num total de 42 mil luminárias substituídas nestes concelhos. Um investimento total de cerca de sete milhões de euros, comparticipado a 95 por cento por fundos comunitários, que vai representar uma poupança global de cerca de 1,2 milhões de euros anuais na Lezíria do Tejo. A CIMLT agrega os municípios de Almeirim, Alpiarça, Azambuja, Benavente, Cartaxo, Chamusca, Coruche, Golegã, Rio Maior, Salvaterra de Magos e Santarém.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...