uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Candidatura do fandango e da cultura avieira a património da humanidade vai avançar
O objectivo da candidatura é preservar esta dança tradicional com fortes ligações ao Ribatejo

Candidatura do fandango e da cultura avieira a património da humanidade vai avançar

Garantia foi dada pelo presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, António Ceia da Silva, durante a inauguração da Festa do Vinho do Cartaxo.

Edição de 15.05.2019 | Sociedade

A candidatura do fandango a património imaterial da humanidade vai finalmente avançar, garantiu o presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, António Ceia da Silva, no dia 30 de Abril, durante a inauguração da Festa do Vinho do Cartaxo.
Depois da intenção ter sido anunciada em Junho de 2016, Ceia da Silva garantiu agora estarem reunidas todas as condições para se iniciar com a candidatura a apresentar à Unesco, aproveitando para elogiar o presidente da Câmara do Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro, por nunca ter deixado cair esse objectivo.
Na altura do anúncio, Ceia da Silva justificava a candidatura com a importância da preservação desta dança tradicional com fortes ligações ao Ribatejo. Já Pedro Magalhães Ribeiro dizia que o fandango é uma dança muito ligada ao desafio e à história do Ribatejo, destacando a singularidade do concelho do Cartaxo ter um rancho folclórico em todas as freguesias e de todos eles dançarem mais do que um tipo de fandango.
Na cerimónia, o presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo anunciou que, ao fim de dez anos, o projecto da candidatura da cultura avieira vai finalmente avançar até Junho deste ano.

Candidatura do fandango e da cultura avieira a património da humanidade vai avançar

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...