Sociedade | 29-12-2004 17:01

Rituais satânicos junto à igreja de Santa Clara

A Polícia de Santarém está a investigar alegadas práticas de rituais satânicos nas traseiras da igreja de Santa Clara. No local, próximo da Escola Secundária Sá da Bandeira, foram descobertos um pato em cerâmica e uma ave morta. O caso aconteceu dia 22 de Dezembro e ocorreu depois de O MIRANTE já ter noticiado práticas sexuais no local, supostamente ligadas à prostituição. Quando a PSP se deslocou ao local, depois de ter sido alertada por volta das 10h50 daquele dia, encontrou um pato multicolor de cerâmica trespassado por uma estaca de madeira. O pau tinha, segundo a investigação, um comprimento de 93 centímetros. Frente ao objecto encontrava-se um faisão já morto. Com base em testes periciais detectou-se que a ave, de cor acastanhada, era uma fêmea. Esta estava em frente ao pato de cerâmica e colocada na vertical. A PSP verificou que a ave estava esticada, em pé, suportada por um pau espetado no chão e atada com um arame pelo pescoço. Situação que indicia a prática de rituais satânicos ou de bruxaria.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Médio Tejo