Sociedade | 09-02-2005 10:07

Indivíduo morre após perseguição pela Brigada de Trânsito

Um indivíduo de 25 anos morreu ontem em Vendas Novas, Évora, após uma perseguição pela Brigada de Trânsito (BT) da GNR, alegadamente por ter sido atingido por um tiro, disse à Agência Lusa fonte da GNR.A mesma fonte indicou que o indivíduo, de etnia cigana, que conduzia um veículo ligeiro de mercadorias, foi interceptado por uma patrulha da BT, em Santarém, cerca das 12h30.O jovem, na altura, alegou que não possuía carta de condução e pôs-se de imediato em fuga, adiantou a fonte. Durante a perseguição, imposta pela GNR, o indivíduo abalroou alguns veículos daquela corporação.A fuga veio a terminar em Montemor-o-Novo, Évora, devido ao despiste da carrinha.Após o despiste, o indivíduo fugiu ainda a pé, mas acabou por ser detido cerca das 14h30 e conduzido para as instalações do sub- destacamento da Brigada de Trânsito da GNR em Vendas Novas, referiu a fonte da GNR.A mesma fonte acrescentou que na altura o detido sentiu-se indisposto e foi transportado para o Centro de Saúde de Vendas Novas, onde deu entrada já cadáver.Aparentemente, o jovem, que não possuía documentos de identificação, foi vítima de um disparo durante a perseguição, indicou fonte da GNR.O corpo da vítima foi depois transportado para a morgue do Hospital de Évora para ser autopsiado. A Polícia Judiciária vai investigar o caso.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo