Sociedade | 10-02-2005 10:44

Alhandra ameaça bloquear comboios

Em Alhandra, um grupo de pessoas admite vir a cortar a linha do comboio se houver um novo acidente mortal. “Não deixaremos passar os comboios enquanto não derem garantias escritas”, disse a O MIRANTE um homem que pediu anonimato.O mal estar é generalizado na vila. Autarcas, bombeiros e forças vivas admitem participar na iniciativa se não forem tomadas medidas imediatas na passagem onde três pessoas foram desfeitas por comboios rápidos em dois meses.Na vila está a circular um abaixo-assinado que pode ser consultado e preenchido no quartel dos bombeiros e em vários estabelecimentos comerciais. O documento exige que a Refer (Rede Ferroviária Nacional) tome medidas imediatas na passagem de nível mortal.Os alhandrenses querem que sejam colocadas barreiras e sinais sonoros com urgência, enquanto decorrerem os estudos e as obras para a implementação de uma solução de fundo.Notícia mais desenvolvida na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo