Sociedade | 12-03-2006 19:45

Voluntários de Alcanede festejam 11 anos a pensar em novo quartel

Os Bombeiros Voluntários de Alcanede comemoraram, hoje, o seu 11.º aniversário com a revindicação de construção de um quartel. A corporação vive há seis anos em casa emprestada, onde contentores têm sido a solução para albergar os bombeiros.As 15 viaturas do corpo, entre ambulâncias, viaturas de combate a incêndios, de comando e cisterna, estão espalhadas por vários locais de Alcanede. O comandante dos BVA, Paulo Santos, e o presidente da direcção da Associação dos BVA, Manuel Rosa, reclamaram do Governo e de outras entidades públicas o apoio à construção do novo equipamento. Para o qual já existe terreno disponível junto à saída da vila no sentido de Santarém.O chefe de gabinete do governador civil de Santarém, Carlos Catalão, assegurou, durante a sessão solene de comemoração, que 2006 deverá ser um ano de “boas novas” para os BVA, adiantando que o Governo Civil tem a construção do novo quartel na lista de prioridades.Também o comandante distrital de bombeiros, Joaquim Chambel, elogiou o trabalho dos BVA no terreno e nas acções de formação e qualificação dos seus elementos. Lançou o repto para que esse trabalho continue e sugeriu que, se cada qual continuar a fazer o que lhe compete, os BVA vão dispor do ambicionado quartel.As comemorações do 11.º aniversário dos BVA atraíram dezenas de pessoas às ruas da vila. De tarde, as 15 viaturas da corporação desfilaram ruidosamente pelas ruas. Seguiu-se a sessão solene e condecorações de bombeiros.De manhã, houve romagem ao cemitério e homenagem aos elementos do corpo já falecidos, seguido de um missa por intenção dos bombeiros e da formatura.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Médio Tejo