Sociedade | 31-03-2006 08:34

Atrasos no parque urbano de Benavente

As obras de requalificação do parque 25 de Abril em Benavente sofreram nova derrapagem de prazos e só devem ficar concluídas no final de Maio. A previsão de inaugurar a obra no dia da Liberdade caiu por terra.Segundo o vice-presidente da Câmara Municipal de Benavente, Carlos Coutinho, os sucessivos atrasos devem-se a problemas com a empresa responsável pela obra. O autarca explicou que a Acoril empreiteiros SA entrou em dificuldade e deixou de cumprir algumas das suas obrigações. A situação obrigou alguns sub-empreiteiros a suspender os trabalhos.Depois de várias reuniões, as obras recomeçaram, embora num ritmo lento. “Espero que o acordado entre a câmara e a Acoril seja cumprido, a câmara é bom pagador e paga sempre nos prazos, por isso, não pode ser prejudicada pela situação da empresa”, disse o vice-presidente.O MIRANTE contactou a sede da sociedade Acoril, mas os administradores não estiveram disponíveis para esclarecer a situação. Entretanto, segundo apurámos, os problemas financeiros da Acoril estão a ser ultrapassados e a sociedade deverá ter condições para concluir as obras que assumiu em vários pontos do país. O parque urbano de Benavente é uma obra adjudicada por 1 milhão e 147 mil euros e foi financiada em 65 por cento pelo Fundo de Desenvolvimento Regional (Feder).

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo