Sociedade | 04-05-2006 09:33

Manifestação contra concentração pediátrica em Torres Novas

Munícipes dos concelhos do Médio- Tejo concentram-se hoje em Torres Novas para protestar contra a concentração da Urgências Pediátricas em apenas um dos hospitais que compõem o respectivo Centro Hospitalar (Torres Novas, Abrantes e Tomar).Perante as informações da Administração Regional de Saúde (ARS) de que o serviço irá ser transferido para Abrantes, os populares reuniram num abaixo-assinado mais de dez mil assinaturas contestando essa decisão.A concentração popular tem início às 18:30 no largo D. Diogo Fernandes, no centro de Torres Novas, e é promovida pelo Grupo de Cidadãos "Pela Urgência Pediátrica" e pela Comissão de Utentes da Saúde do Médio-Tejo e conta com o apoio dos executivos municipais de Tomar e Torres Novas.Em Março, a Câmara de Torres Novas aprovou uma moção, recordando a necessidade de uma "solução de consenso de distribuição de especialidade de assistência pediátrica em equilíbrio pelas três unidades".Assumindo a incapacidade de encontrar um "consenso político" com a tutela nesta matéria, os vereadores acusam a ARS de não atender às necessidades da população, querendo ignorar que este Serviço de Urgência Pediátrica "é o que possui no Médio Tejo o maior número de consultas diárias" (cerca de 80 crianças).

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1376
    07-11-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1376
    07-11-2018
    Capa Vale Tejo