Sociedade | 29-05-2006 09:15

Onda de calor continua hoje em Santarém

Santarém é um dos distritos afectados pela onda de calor que irá fazer sentir-se ainda durante o dia de hoje.

A Direcção-geral de Saúde (DGS) recomenda à população que se proteja do calor intenso previsto para o continente. As pessoas devem tomar medidas de protecção, sobretudo as de maior risco, como idosos, doentes e crianças. Entre os grupos de risco, a DGS identifica as pessoas idosas, acamadas e que vivem isoladas, doentes crónicos (nomeadamente doenças cardiovasculares, respiratórias, renais, diabetes, alcoolismo), bebés e crianças.Alerta ainda para a necessidade de especial protecção dos trabalhadores manuais expostos ao calor e das pessoas que vivem em más condições de habitação.Entre as consequências da exposição a períodos de calor intenso, durante vários dias consecutivos, a DGS aponta que podem ocorrer desidratação, agravamento de doenças crónicas, esgotamento ou golpe de calor, uma situação que pode provocar danos irreversíveis à saúde.Para evitar estas situações, a DGS recomenda o aumento da ingestão de água ou sumos de fruta natural sem açúcar, evitando bebidas alcoólicas, gaseificadas e com cafeína, e refeições leves e mais frequentes ao longo do dia.Aconselha ainda que se evite a exposição directa ao sol, especialmente entre as 11h e as 16 horas, o uso de protector solar com um índice de protecção elevado, a permanência por pelo menos duas a três horas por dia num ambiente fresco, a diminuição de esforços físicos e o uso de roupa fresca, preferencialmente de cores claras.A DGS tem em funcionamento uma linha de saúde pública, através do número 808 211 311.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1369
    20-09-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1369
    20-09-2018
    Edição Vale Tejo