Sociedade | 29-05-2006 14:30

Treze pessoas detidas em bar de prostituição de Marinhais

A GNR anunciou hoje a detenção durante o fim-de-semana de 13 pessoas que trabalhavam num estabelecimento nocturno de Marinhais, Salvaterra de Magos, por suspeita de fomento da prostituição.Na operação, denominada "Última Noite", as autoridades detiveram dois homens, "responsáveis pelo estabelecimento e suspeitos da prática dos crimes de lenocínio (fomento de prostituição) e auxílio à imigração ilegal e ainda de 11 mulheres de nacionalidade brasileira, todas em situação ilegal no país", refere a GNR.Numa casa anexa ao bar, os empresários possuíam "quartos onde as mulheres se prostituíam, sendo detectadas cinco delas em flagrante a ter relações sexuais" com clientes, acrescenta o comunicado, salientando que foi ainda detido um outro elemento, suspeito de "actividades ilícitas e criminosas" que ainda não estão totalmente apuradas.A operação decorreu na madrugada de domingo e os detidos vão ser hoje presentes no tribunal de Vila Franca de Xira para primeiro interrogatório judicial, devendo as mulheres ficar detidas no estabelecimento prisional de Tires, acrescenta a GNR.Mais a sul, a GNR de Benavente registou uma queixa do proprietário de uma farmácia contra dois homens que, "sob a ameaça de armas de fogo", levaram "uma pequena quantidade de dinheiro e alguns pares de óculos de sol que se encontravam expostos", refere ainda o comunicado.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1369
    20-09-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1369
    20-09-2018
    Edição Vale Tejo