Sociedade | 24-02-2008 11:54

Parque de campismo de Tomar deverá reabrir

O parque de campismo de Tomar, encerrado há quase cinco anos, deverá voltar a abrir ao público, depois de anos de polémica e procura de alternativas de localização. A assembleia municipal aprovou na sexta-feira por unanimidade uma moção do Bloco de Esquerda que solicita ao executivo vários esclarecimentos e exige que seja revista a deliberação de 2003 que contemplava a reavaliação da situação de encerramento, sustentada em informações mensais dos serviços.Recorde-se que na altura, a justificação para o encerramento do parque teve por base os incómodos que as obras de remodelação do pavilhão municipal trariam aos utilizadores do espaço. Curiosamente a proposta de encerramento partiu do então vice-presidente Corvelo de Sousa, que hoje está à frente dos destinos da autarquia. Curioso é também o facto de a moção do BE ter sido agora aprovada por unanimidade quando propostas semelhantes apresentadas pelo deputado do partido, Carlos Trincão, terem sido sempre rejeitadas pela maioria social-democrata.Na próxima segunda-feira vai ser entregue na câmara mais um abaixo-assinado com 500 nomes a solicitar a reabertura do parque de campismo. “Os abaixo signatários consideram que o fecho do parque de campismo priva a cidade de Tomar de um equipamento muito útil, de serviço ao Turismo e de proveito para a economia da cidade. Deste modo, os cidadãos posteriormente designados recorrem a esta petição, para sensibilizar a Câmara Municipal de Tomar a deliberar no sentido da sua abertura e da colocação deste equipamento ao serviço”, refere a petição. Já em Janeiro de 2004 tinha sido entregue com o mesmo fim um outro abaixo-assinado, então com 800 assinaturas.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo