Sociedade | 30-04-2008 08:49

ETAR de Coruche a funcionar dentro de um mês

O emissário e a estação de tratamento de águas residuais (ETAR) de Coruche deverão entrar em funcionamento no final de Maio, permitindo tratar os esgotos de cerca de 8.000 habitantes num concelho com cobertura de saneamento quase nula.Dionísio Mendes, presidente da Câmara Municipal de Coruche (PS) - concelho com cerca de 20 mil habitantes -, disse que as obras do emissário, interceptor de cintura, sistema elevatório e ETAR da vila “estão finalmente concluídas”.No início de Maio o sistema vai entrar em fase de testes e verificação e formação do pessoal, para começar a funcionar dentro de um mês, disse.Por outro lado, os processos de construção de mais quatro estações de tratamento de águas residuais (ETAR) - nas freguesias de Couço, Santana, Branca e Zona Industrial de Monte da Barca – estão em fase adiantada, tendo sido abertas as propostas de duas e estando prevista para o início de Maio a abertura das outras duas, afirmou.Reconhecendo que o concelho tem uma cobertura de saneamento “muito escassa” – “vamos passar de 9 por cento para 90 por cento em 2011/2012” -, Dionísio Mendes disse que o importante é conseguir recuperar o “lamentável atraso” em que se encontra o concelho nesta área.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Vale Tejo