Sociedade | 12-07-2008 16:32

Vinte casos de burla registados pela GNR no distrito desde o início do ano

Desde o início do ano a GNR já registou no distrito de Santarém 20 casos de burla essencialmente contra pessoas idosas. Os crimes praticados lesaram os queixosos num total que ronda os 20 mil euros. Diz o comando do grupo territorial de Santarém da Guarda que os burlões chegam a extorquir sete mil euros de uma só vez, sendo que a média do valor das burlas andam na casa dos 1.457 euros. Indicam os dados das investigações da GNR que os burlões actuam em grupo, quase sempre constituídos por duas pessoas bem vestidas e bem falantes e procuram vítimas com idades entre os 67 e os 98 anos de idade preferencialmente mulheres. A Guarda também já concluiu que o número de casos pode ser superior já que alguns lesados não apresentam queixa por vergonha. Em quase todos os casos os queixosos são pessoas pouco familiarizadas com as operações bancárias e que preferem guardar as economias em casa. Normalmente os burlões fazem-se passar por funcionários da Segurança Social ou outras entidades públicas. Segundo a GNR este tipo de vida tem-se revelado bastante rentável e muitos fazem destas práticas um modo de vida. As autoridades têm vindo também a receber informações de outros crimes de burla através de outros métodos, como a publicação de anúncios em jornais com promessas de crédito fácil. As pessoas em dificuldades económicas telefonam para o número de telefone publicitado e acabam por enviar alguma documentação e uma certa quantia em dinheiro para dar andamento ao empréstimo. Após a vítima enviar o dinheiro, o contacto telefónico deixa de estar disponível e as pessoas ficam sem o dinheiro que enviaram. A GNR apela a quem tem familiares em situações de isolamento e com idade avançada para que os visitem com regularidade, os incentivem a acreditar nas instituições bancárias e evitem esconder dinheiro em casa. Os idosos devem também ter à mão os contactos das forças de segurança ou devem ligar para o número nacional de emergência 112.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo