Sociedade | 13-07-2008 08:58

Abrantes e Coruche com pólos da Universidade Aberta

Os municípios de Coruche e Abrantes assinaram protocolos com a Universidade Aberta (UAB) para abertura de Centros Locais de Aprendizagem. Grândola, Mêda, Pêso da Régua, Ponte de Lima, Ribeira Grande (Açores), Sabugal e Silves são as restantes autarquias que assinam o documento.Na vila de Coruche vai funcionar um pólo de ensino e formação. Será no rés-do-chão da casa que albergava os magistrados, junto à antiga manga dos toiros, que se encontra devoluta. O presidente da câmara, Dionísio Mendes (PS), considera “uma boa oportunidade de formar e fixar jovens na área de abrangência do município, tendo em contas as novas oportunidades de emprego para jovens quadros com a perspectiva de construção do novo aeroporto no campo de tiro de Alcochete”.Em Abrantes, o centro local de aprendizagem vai funcionar em espaço cedido na Biblioteca Municipal António Botto. Será um espaço onde o estudante poderá desenvolver as suas responsabilidades de aprendizagem, mediadas tecnologicamente e promovidas no campus virtual. A autarquia fica responsável pela cedência e manutenção das instalações, enquanto a UAB se encarrega da nomeação do coordenador do centro, pelo serviço de exames e promoção dos cursos.Segundo dados da UAB, os centros vão ser núcleos vocacionados para a aprendizagem ao longo da vida dirigidos ao aumento de competências académicas, profissionais, culturais e cívicas, em diferentes áreas como técnica, artística, cultural, científica e económica.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo