Sociedade | 29-07-2008 08:46

Ministro da Administração Interna elogia actuação da PSP na detenção do gang de Abrantes

O ministro da Administração Interna elogiou em Faro, a "competência, abnegação e heroísmo" da PSP, na operação que levou à detenção de cinco suspeitos de assalto e agressões a agentes, domingo, em Abrançalha-de-Baixo, Abrantes. Falando durante a inauguração da nova esquadra da PSP no aeroporto de Faro, o ministro Rui Pereira desejou "rápida recuperação" ao agente policial que ficou ferido durante a operação. "Todos os agentes envolvidos na detenção de cinco elementos suspeitos de criminalidade violenta agiram com competência, abnegação e heroísmo", frisou Rui Pereira. Sobre a sucessão de episódios violentos que se vêm registando nos últimos tempos, o ministro observou que "nenhum país está a coberto da criminalidade violenta e grave", mas refutou que haja um crescendo de ocorrências deste tipo. Respondendo a perguntas dos jornalistas no final da sessão que marcou a inauguração das novas instalação da divisão de segurança aeroportuária de Faro, Rui Pereira assinalou que "as forças de segurança têm meios para actuar com eficácia" e recordou que para os próximos cinco anos está previsto o reequipamento completo dessas forças. Os cinco indivíduos foram detidos na tarde de domingo, no âmbito de uma operação da PSP em Abrantes, destinada a localizar os autores da agressão a dois agentes da PSP, com roubo de uma shot-gun, ocorrida no sábado no Entroncamento. A perseguição ao grupo resultou num tiroteio, no qual foi baleado com gravidade um elemento do Grupo de Operações Especiais (GOE) da PSP, que não se encontra em risco de vida. A operação policial de domingo, a cargo do comando de Santarém, não se limitou à casa na Abrançalha-de-Baixo, onde se refugiou o grupo, mas decorreu também em vários locais, incluindo operações STOP. A intervenção da patrulha da PSP do Entroncamento, na madrugada de sábado, ocorreu depois de denúncias que apontavam para a presença de "indivíduos suspeitos", todos homens e aparentando idades entre os 18 e os 30 anos, numa viatura de cor cinzenta, num local onde habitualmente param carros com casais de namorados. Os agentes dirigiram-se ao local, uma área da cidade do Entroncamento pouco movimentada e que se encontra loteada para futura construção, cerca das 02:00, e, quando se preparavam para abordar dois indivíduos que estavam no interior da viatura, foram surpreendidos por outros três elementos, um deles empunhando uma arma tipo shot-gun (caçadeira de canos serrados), tendo sido agredidos, ao mesmo tempo que lhes era roubada uma arma do mesmo calibre. A audição dos suspeitos, prevista para hoje, foi adiada para terça-feira, "devido à necessidade de se proceder a mais diligências", segundo o comandante da PSP de Abrantes, Celso Marques.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo