Sociedade | 30-07-2008 09:57

Barreiras de Santarém estão cheias de mato e autoridades não actuam

No espaço de cinco dias deflagraram dois incêndios nas encostas de Santarém, que se encontram infestadas de mato. A falta de limpeza é bem visível com os terrenos cheios de mato, o que constitui um elevado risco de incêndio. Mas segundo os dados do comando distrital de Santarém da PSP este ano não foi levantado nenhum auto aos proprietários por falta de desmatação. A Câmara de Santarém dispõe de um levantamento dos proprietários dos terrenos nas barreiras da cidade que foi feito em 2003. Ramiro Matos garante que agora está a ser feita uma actualização dos dados para os enviar à PSP de modo a que estes possam actuar, levantando autos aos donos dos espaços que não estão limpos, conforme obriga a legislação. O autarca diz que não pode fazer mais e que a autarquia não pode andar a substituir-se às entidades estatais e proprietários porque não tem meios financeiros nem técnicos para proceder à limpeza. Notícia mais detalhada na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo