Sociedade | 08-05-2009 07:55

Moradores da Quinta dos Anjos vão ter finalmente licenças de habitação

O lote 30 da urbanização Quinta dos Anjos, na Castanheira do Ribatejo, é o primeiro dos três edifícios por legalizar daquela urbanização a receber luz verde da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira. A autarquia vistoriou o edifício, concluindo que “tinha condições de habitabilidade”, revelou o vereador do urbanismo, Alberto Mesquita. A vistoria vai permitir fornecer licenças de habitação às casas, que tinham ficado por regularizar no processo que opõe a autarquia às empresas Mariligi e Marirene. O vereador do urbanismo manifestou “dúvidas”, no entanto, sobre o futuro do lote 29. O edifício, que foi embargado numa fase inicial da sua construção, levanta “dúvidas sobre se a implantação está correcta, havendo queixas de moradores que afirma estar desalinhado com o resto das construções vizinhas”. O edifício “não deverá ser construído na sua totalidade”, prevê o vereador, que prefere no entanto aguardar o parecer da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) sobre o assunto.A uurbanização Quinta dos Anjos foi iniciada em 2001, mas viu desde 2004 ficarem suspensos “todos os actos administrativos que têm na sua origem o alvará 11/01” que permite a existência do empreendimento. Segundo o empreiteiro, a justificação fora uma recomendação do Ministério do Ambiente, que incluía parte da urbanização na Reserva Agrícola Nacional (RAN).

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Vale Tejo