Sociedade | 19-05-2009 13:03

Três atropelamentos esta manhã com dois mortos

CLIQUE PARA VER VÍDEO: http://www.omirante.pt/omirantetv/Na manhã desta terça-feira morreram duas pessoas atropeladas em Benavente e em Santarém. Registou-se ainda um terceiro atropelamento no concelho de Almeirim em que um ciclista ficou ferido com gravidade. O primeiro acidente ocorreu cerca das 07h30 na EN 118, junto à Várzea de Benavente. Filipe Teles, de 82 anos de idade, agricultor reformado, residente no monte Cunha, próximo do local, sofreu lesões graves na cabeça, com perda de massa encefálica, e faleceu no local. A vítima atravessava aquela estrada todos os dias há dezenas de anos. Fazia-o com cautelas, segundo os vizinhos que o descrevem como “um homem bom e muito querido de toda a gente”. O local do acidente, logo após as bombas de gasolina, já foi palco de vários acidentes com vítimas mortais. Uma curva com fraca visibilidade e a velocidade excessiva são causas apontadas por quem passa no local para os vários acidentes mortais naquele ponto negro da EN118.Por volta das 10h00 uma mulher que atravessava a estrada entre S. Domingos e Fontainhas, por baixo do viaduto da circular urbana conhecida por Rua O, em Santarém, foi colhida por um automóvel e teve morte imediata. O corpo foi transportado para a morgue do Hospital de Santarém. No local onde se deu o acidente não existe passadeira para peões. Quase à mesma hora, às 10h13, um ciclista que circulava na Ponte D. Luís, entre Santarém e Almeirim, foi atropelado por um carro na parte do tabuleiro pertencente ao concelho de Almeirim. O homem de 62 anos de idade sofreu ferimentos graves, foi assistido no local pela equipa da Viatura Médica de Emergência e Reanimação do Hospital de Santarém e depois transportado para esta unidade hospitalar. A condutora do automóvel ficou com ferimentos ligeiros.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Médio Tejo