Sociedade | 22-05-2009 07:45

População das Quintas quer esquecer casas devastadas pelas cheias

A população das Quintas, freguesia de Castanheira do Ribatejo, quer ver demolidos os destroços das casas afectadas pelas cheias de 1967, que afectaram aquela zona. Laurentino Ferreira, representante dos moradores, entregou à Câmara Municipal de Vila Franca de Xira um abaixo-assinado que manifesta a vontade dos populares em ver cair as recordações da tragédia. “São situações degradantes para a imagem localidade e focos de insalubridade que põem em causa a saúde das populações”, reclama o popular. “É necessária a tomada urgente de medidas para as situações em causa”, acrescenta. A vontade popular poderá no entanto esbarrar no facto de as construções se situarem em terrenos de particulares, fez notar a presidente da câmara municipal, Maria da Luz Rosinha. Há cerca de quatro décadas, as cheias que afectaram as Quintas destruíram várias habitações e provocaram 88 vítimas. Em Novembro de 2008, a Junta de Freguesia da Castanheira do Ribatejo organizou uma cerimónia para o descerramento de um memorial com duas placas de bronze com as inscrições dos nomes das 88 pessoas que morreram na catástrofe.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Vale Tejo