Sociedade | 31-05-2009 14:14

GNR agredido dentro do posto da guarda

Um homem com cerca de 30 anos agrediu na sexta-feira um Cabo da GNR dentro do posto da Guarda de Vila Nova da Barquinha e colocou-se em fuga sem que os outros militares se tivessem apercebido.A vítima não conseguiu reagir e teve de receber tratamento hospitalar. Está a recuperar em casa com traumatismos nas costas e no braço.Segundo fonte da GNR, o agressor está identificado porque é um homem com antecedentes criminais e “conhecido das autoridades”, residente na Atalaia, e que tinha que se apresenta periodicamente naquela unidade policial.O suspeito ainda não foi detido porque será necessária a autorização do tribunal para o fazer, visto que não se concretizou um flagrante delito. A GNR participou o caso ao Ministério Público que deverá agora emitir um mandado de detenção ou notificar o homem ara se apresentar ao Juiz de Instrução Criminal. O homem com uma estatura elevada e forte esteve envolvido recentemente numa rixa e com os antecedentes que tem em matéria de crimes arrisca-se a ficar preso preventivamente.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Médio Tejo