Sociedade | 29-01-2010 09:21

Maioria dos esgotos do centro histórico de Tomar ligados à ETAR

Está na recta final a intervenção de fundo relativa à remodelação dos sistemas públicos de distribuição de água e drenagem de águas residuais domésticas e pluviais que a Câmara Municipal de Tomar levou a cabo nas ruas do centro histórico da cidade. O objectivo crucial desta empreitada passou por ligar os esgotos domésticos da zona mais antiga da cidade à ETAR da Zona Industrial de Santa Cita, através da Avenida Nuno Álvares Pereira, em vez de correrem, directamente para o Rio Nabão, como acontecia até aqui. A intervenção na rotunda da Praceta Alves Redol, que a autarquia espera iniciar em breve, vai permitir aliviar a carga daquele colector e garantir que as águas pluviais sigam para o rio, à saída da cidade. As obras no centro histórico de Tomar tiveram início há mais de dez anos e foram co-financiadas por fundos comunitários, representando investimento de cerca de dois milhões de euros. A intervenção que estava prevista para a zona do Pelourinho, junto à antiga esquadra da PSP, está atrasada uma vez que necessita de um projecto específico, que está a ser desenvolvido pelo Departamento de Obras Municipais da autarquia.Notícia desenvolvida na próxima edição semanal

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1355
    13-06-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1355
    13-06-2018
    Capa Médio Tejo