Sociedade | 26-06-2010

Jardim da Liberdade já abriu, mas obras continuam (com vídeo)

O Jardim da Liberdade, em Santarém, abriu quinta-feira ao público mas as obras continuam na zona, não só à superfície como no parque de estacionamento subterrâneo que deve estar a funcionar dentro de um mês. O vaticínio é do presidente do município, Francisco Moita Flores (PSD), que surgiu acompanhado do comandante da Brigada de Reacção Rápida, unidade militar que se encontra em exercícios no concelho.“Este é o fim da primeira fase da obra. A segunda vai começar agora e vai ter outras valências. Chamemos-lhe uma abertura do jardim para fruição do espaço público”, declarou Moita Flores aos jornalistas na noite de 24 de Junho, após a comitiva oficial e muito povo terem dado uma volta de reconhecimento pelo espaço, onde foram investidos cerca de seis milhões de euros. Para além de alguns retoques finais, falta ainda colocar grande parte da estatuária prevista, ligada a personalidades marcantes da história da cidade, e a abertura dos dois bares e do restaurante, cujo concurso está a decorrer e suscitou o interesse de duas empresas. “Temos aqui um bilhete postal lindíssimo de Santarém rejuvenescida. Hoje com certeza que já conseguem compreender a linguagem de fazermos esta ligação do espaço público entre o Jardim dos Cravos ao Convento São Francisco. Temos uma cidade nova. Uma cidade antiga, bela, que hoje começa a ficar mais bela ainda”, afirmou o autarca, referindo que não se trata de campanha eleitoral pois já anunciou que não se vai recandidatar ao cargo.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1369
    20-09-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1369
    20-09-2018
    Edição Vale Tejo