Sociedade | 08-07-2010 10:17

Procurava uma companheira e acabou drogado e roubado por duas mulheres

Duas mulheres misturaram comprimidos para dormir no jantar de um homem residente na Ribeira de Santarém e aproveitaram para o roubar quando este adormeceu. Agostinho São Pedro andava à procura de uma companheira e as duas mulheres, que vão agora ser julgadas no Tribunal de Santarém pelo crime de roubo, aproveitaram-se desse facto para se apoderarem de dinheiro e do carro da vítima, no qual fugiram. As arguidas, Ana C., na altura com 35 anos, e Francelina R., com 44 anos de idade, são acusadas de outros crimes como de burla em outros processos noutros tribunais do país. O crime de roubo pelo qual vão responder neste processo as duas mulheres está previsto no Artigo 210º do Código Penal. Que diz que quem subtrair coisa alheia por meio de violência contra uma pessoa, de ameaça de perigo iminente para a vida ou para a integridade física, ou pondo-a na impossibilidade de resistir, é punido com pena de prisão de um a oito anos. NOTÍCIA DESENVOLVIDA NA EDIÇÃO EM PAPEL DESTA QUINTA-FEIRA

Mais Notícias

    A carregar...
    Caipirinhas para todos os gostos
    Foto do Dia
    As caipirinhas são a aposta há oito anos da van food “Caipi Joca’s”, de Carlos Travessa, um dos presentes na 4.ª edição do Festival Reverence que decorreu nos dias 8 e 9 de Setembro, pela primeira vez, na Ribeira de Santarém. A residir em Salvaterra de Magos, o empreendedor de 38 anos começou o negócio juntamente a sua sócia, Josélia Godinho, de 33 anos, depois de ter tido muito sucesso com o seu bar exclusivo de caipirinhas nas festas de Salvaterra de Magos. O nome surgiu de uma junção de “Caipi” (caipirinhas), “Jo” (Josélia) e “Ca” (Carlos). Entre as várias caipirinhas à disposição, a que está no topo das preferências é a tradicional com cachaça.
    Foto do Dia | 22-09-2017

    Edição Semanal

    Edição nº 1317
    21-09-2017
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1317
    20-09-2017
    Capa Médio Tejo