Sociedade | 09-12-2010 10:25

Tractores roubados em Coruche foram recuperados em Itália

Os dois tractores furtados por desconhecidos na madrugada de 4 de Setembro de um campo agrícola e da Zona Industrial do Monte da Barca, em Coruche, foram recuperados em Veneza, Itália, três dias depois. Foram detidos pelas autoridades italianas dois homens romenos que conduziam o veículo pesado que transportava os tractores. A notícia foi dada ao agricultor e proprietário de um dos tractores, Abel Faria, a 18 de Novembro. O seu John Deere, avaliado em 140 mil euros, estava escondido na carga de um camião com cobertura de lona, em conjunto com o tractor furtado na zona industrial de Coruche, pertença da empresa Protecnil, do Porto Alto, avaliado em 40 mil euros.“Estou em Veneza, no tribunal, a tratar do assunto. Com a boa vontade das autoridades italianas conseguimos resolver o problema. Alugamos um camião porta-máquinas que vem buscar os tractores assim que os pudermos descarregar do camião em que seguiam, uma vez que recebi uma procuração da empresa do Porto Alto para tratar do processo do tractor deles”, contava Abel Faria na segunda-feira.Com o aluguer do camião para fazer o transporte do tractor, na ordem dos seis mil euros, e todo o processo burocrático, Abel Faria estima ter um prejuízo de dez mil euros com o caso. “Mas melhor assim do que ficar sem o tractor”, comenta.Curiosamente, tanto Abel Faria como o irmão, António Faria, que o acompanhou a Itália, já tinham estado em Veneza. “Eu já cá tinha estado em anos anteriores e, curiosamente, o meu irmão esteve cá em lua-de-mel”, recorda agora com um sorriso. O MIRANTE tentou contactar a empresa do Porto Alto para obter uma reacção mas não foi possível após inúmeros contactos. Recorde-se que o roubo dos tractores aconteceu na madrugada de 4 de Setembro. Desde Novembro de 2009 que se verificaram alguns casos de roubo de tractores na região. Nessa altura três foram levados de uma empresa da Póvoa de Santarém e, mais recentemente, em Abril, tentaram roubar cinco tractores de uma empresa do Biscainho (Coruche), mas as máquinas ficaram presas na lama nas imediações da empresa.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Médio Tejo