Sociedade | 08-07-2011 12:54

Lançado concurso público para construção das novas instalações da ESTA

O executivo da Câmara Municipal de Abrantes aprovou o lançamento de um concurso público internacional de 9,5 milhões de euros para a construção das futuras instalações da Escola Superior de Tecnologia de Abrantes (ESTA), que ainda requer fundos europeus.Aprovado com os votos favoráveis da maioria socialista e do vereador independente e a abstenção dos vereadores do PSD, o lançamento do concurso público internacional para a adjudicação daquela empreitada está condicionado à obtenção de fundos comunitários que permitam a sua execução, observou a presidente da autarquia, Maria do Céu Albuquerque (PS).“O investimento é de grande monta e só o conseguiremos concretizar com o apoio do Quadro de Referência Estratégico Nacional” (QREN), vincou a autarca, estimando que o mesmo possa significar um apoio financeiro de “até 80 por cento” do total orçamentado.A Câmara de Abrantes assumiu a responsabilidade de concepção do projecto de execução das novas instalações, a cedência de área no espaço do Tecnopólo e a comparticipação nacional do valor total do investimento, comprometendo-se ainda a criar residenciais para estudantes no centro histórico da cidade, a par dos respectivos acertos nos horários e na quantidade de transportes públicos urbanos, atendendo aos fluxos necessários.Instalada há uma década no centro da cidade, em edifícios antigos e com múltiplas deficiências, a ESTA integra o Instituto Politécnico de Tomar (IPT). A deslocalização para o complexo do Tecnopólo do Vale do Tejo, em Alferrarede, é contestada pelos vereadores do PSD, que se abstiveram na votação, por considerarem que é mais um passo para o esvaziamento do centro histórico da cidade.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Médio Tejo