Sociedade | 22-07-2011 08:20

Trabalhadores da TNC mantêm luta apesar da promessa de ajuda do ministro da Economia

Os trabalhadores da empresa TNC de Alverca, em processo de insolvência, decidiram na tarde de quinta-feira, em plenário, manter a luta pelos 126 postos de trabalho, apesar da promessa de ajuda feita esta manhã pelo ministro da Economia e do Emprego.Durante esta sexta-feira, os trabalhadores vão distribuir panfletos pela população local com as razões da luta e prometem continuar a vigília na sede da empresa, até ao final do mês, altura em que os ordenados estão garantidos.Da reunião da manhã de quinta-feira saiu a promessa de Álvaro Santos Pereira de que ia “reunir urgentemente com o administrador de insolvência e a presidente da autarquia de Vila Franca de Xira para se inteirar da situação da empresa”.A expectativa do ministro é servir de mediador e ouvir as partes envolvidas, com o objectivo de se chegar a um entendimento e, dessa forma, salvaguardar os 126 postos de trabalho que neste momento estão em risco.Os trabalhadores da Transportadora Nacional de Camionagem (TNC) estão em luta há exactamente uma semana, depois de terem sido informados de que teriam de abandonar a empresa, já que esta iria encerrar.Os funcionários tinham conhecimento do processo de insolvência, publicado a 5 de Janeiro de 2010, mas afirmaram que também tinham a garantia do gestor judicial responsável pelo processo de que a empresa “não iria fechar”.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo