Sociedade | 04-12-2011 12:12

Estradas de Portugal corta ponte e isola população do sul do concelho de Vila Franca

Para alargar a ponte sobre o rio da Velosa a empresa pública Estradas de Portugal pretende encerrar toda a Estrada Nacional 10-6, entre Alverca e Arruda dos Vinhos, isolando milhares de moradores das aldeias a sul do concelho de Vila Franca de Xira. A situação está a revoltar os moradores, comerciantes e a própria câmara municipal, que não se cansa de contactar a empresa no sentido desta voltar atrás na decisão.Em causa está o isolamento das aldeias rurais de Calhandriz, A-dos-Melros e Adanaia, onde a maior parte da população é idosa. Essa mesma população depende dos transportes públicos para chegar aos centros urbanos mas devido à obra a circulação dos transportes será temporariamente suspensa e os moradores ficam sem alternativas.Para chegar à Estrada Nacional 10 os moradores e comerciantes terão de percorrer mais 28 quilómetros por dia em cada viagem (ida e volta) e o socorro está em risco, porque os desvios são longos, mal sinalizados e obrigam os bombeiros a demorar mais tempo a chegar às aldeias.Os moradores queixam-se de não terem sido informados do corte da estrada nem da empresa se ter preocupado em procurar consensos. Acusam a Estradas de Portugal de “autoritarismo” e garantem que vão lutar para que a obra seja feita mas apenas numa das faixas da ponte.* Notícia desenvolvida na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Médio Tejo