Sociedade | 19-03-2012 13:32

Donos de ourivesaria sequestrados e agredidos dentro da própria casa

O ourives Armindo Santos, de 70 anos, e a sua esposa Clarinda estiveram perto de nove horas sequestrados na própria casa em Foros da Charneca, concelho de Benavente, na noite de 16 para 17 de Março. A senhora encontrava-se no quintal da sua casa quando por volta das 19h00 foi surpreendida por dois ladrões encapuzados que a amarraram e fecharam dentro de um quarto, revela uma fonte policial. O marido chegou a casa por volta das 19h30. Tinha à sua espera os mesmos ladrões que depois de o agredirem no rosto com a arma, o amarraram e amordaçaram com fita adesiva. Os dois encontravam-se em divisões diferentes da casa. O casal, dono da ourivesaria “O Campino” localizada em Benavente, foi pressionado durante mais de nove horas para revelar onde tinham o ouro e o dinheiro. Os larápios acabaram por levar todo o dinheiro e ouro que conseguiram encontrar na sua casa. O casal partiu ontem, 18 de Março, para casa do filho, em Lisboa, por se encontrar visivelmente abalado. A ourivesaria permanece com as portas fechadas.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1351
    16-05-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1351
    16-05-2018
    Capa Médio Tejo