Sociedade | 03-05-2012 07:50

Homem morre esmagado por pinheiro que cortou pela base

Um homem de 39 anos morreu na manhã de quarta-feira, 2 de Maio, em Peta, freguesia de S. José da Lamarosa, Coruche, esmagado pelo pinheiro bravo que estava a cortar.A situação passou-se na herdade dos Pocilgais, onde trabalhavam mais pessoas no corte de árvores, pouco passava das nove da manhã. Ao cortar um pinheiro com 15 a 20 metros de altura e tronco de grande dimensão com recurso a moto-serra numa zona de encosta, o tronco caiu para o seu lado, em vez de cair para baixo, esmagando o homem. Admite-se que o vento possa ter apanhado a copa da árvore e a tenha feito cair para o lado menos esperado.Segundo fonte dos Bombeiros Municipais de Coruche, quando lá chegaram já outros trabalhadores tinham cortado o tronco em vários toros para ajudar o colega mas era tarde demais. Os bombeiros efectuaram suporte básico de vida quando o trabalhador já se encontrava em paragem cardio-respiratória. Recebeu manobras de suporte básico de vida e mais tarde manobras de suporte avançado de vida por elementos da Viatura Médica de Emergência do Hospital de Santarém, mas sem sucesso.Confirmado o óbito, o corpo do trabalhador seguiu para a morgue do Hospital de Santarém onde será autopsiado. José Manuel Matias, de 39 anos, deixa viúva e filha órfã. Morava em Coruche, no Bairro da Areia.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1360
    19-07-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1360
    19-07-2018
    Capa Vale Tejo