Sociedade | 24-05-2012 08:36

Água contaminada em Alvega ajuda a estreitar laços entre a comunidade

Água contaminada em Alvega ajuda a estreitar laços entre a comunidade
Na segunda-feira, 21 Maio, às quatro e meia da tarde, o autotanque dos Bombeiros Municipais de Abrantes pára na pequena localidade de Areia de Cima, Alvega, Abrantes. À espera do bombeiro João Daniel, que conduz o autotanque durante toda a tarde, já estão várias pessoas, com garrafões vazios de cinco litros de água. “Uma pessoa agora até convive mais. Passávamos dias sem nos vermos, agora sempre dá para por a conversa em dia”, diz Cristina Calado a rir, após ter acabado de encher quatro garrafões que servem para lavar os alimentos e cozinhar o jantar desse dia. O autotanque está munido com seis torneiras, agilizando o processo de abastecimento. Nas primeiras saídas, existia apenas uma saída de água, o que provocava filas e gerava críticas mas a necessidade aguça o engenho e agora, regra geral, a população está satisfeita com esta alternativa que os obriga a conviver mais entre sipor estes dias. * Reportagem desenvolvida na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo