Sociedade | 17-01-2013 00:13

Rastreio da hepatite C em Vila Franca de Xira para ex-combatentes

O Núcleo de Vila Franca de Xira da Liga dos Combatentes vai promover, de 18 a 23 de Fevereiro, um rastreio da hepatite C entre os seus associados que tenham prestado serviço militar em África, Índia e Timor Leste. O Núcleo está já a receber inscrições na sua sede, na rua da Barroca de Baixo, 9-9ª, no centro de Vila Franca de Xira, próximo da câmara municipal e dos CTT. O rastreio da hepatite C tem como objectivo a despistagem de uma doença transmissível por actos que eram tão simples e usuais em tempo de guerra como a partilha de lâminas de barbear e de seringas ou transmissão por via sexual. Segundo o presidente do Núcleo de Vila Franca de Xira da Liga dos Combatentes, tenente-coronel Amadeu Romão, há que saber se o vírus da doença está "adormecido" entre quem andou nas campanhas das antigas colónias portuguesas para ser encaminhado e, se concordar, receber tratamento.A inscrição para o rastreio faz-se unicamente na sede do Núcleo, devendo os inscritos preencher uma ficha-inquérito confidencial. Mais informações podem ser obtidas através do telefone 263 276 146 ou do correio electrónico: ligacomb.vfxira@sapo.pt. "Se for portador da doença, o homem pode ser tratado com apoio da direcção central da Liga dos Combatentes", acrescenta o presidente do Núcleo.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo