Sociedade | 20-01-2013 01:34

Uma rua que é uma manta de retalhos

Uma rua que é uma manta de retalhos
A rua de São Pedro, no bairro do Outeirinho, nos arredores de Santarém, continua com cerca de 150 metros de extensão por alcatroar, resultando daí um cenário caricato e difícil de entender para os automobilistas que por ali circulam. E para já não se descortina quando é que o troço intermédio em terra batida ganha piso novo. A via, que liga a zona industrial de Santarém ao bairro do Outeirinho e à Escola Superior Agrária, é uma autêntica manta de retalhos, que se acentuou quando foi asfaltada apenas metade do trajecto que faltava alcatroar. A outra parte não foi intervencionada devido a alegados problemas relacionados com expropriações. E, por causa disso, agora há alcatrão novo junto à zona industrial, seguindo-se terra batida com alguns buracos e depois asfalto mais antigo junto ao bairro.Um cenário que se vai manter pelo menos durante mais uns tempos, ou seja, pelo menos até a Câmara de Santarém ter dinheiro para fazer a obra, que de momento nem está entre as prioridades da autarquia. Quem o admitiu foi o vereador João Leite (PSD) na última reunião do executivo.* Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Médio Tejo