Sociedade | 22-01-2013 14:48

Parte da população de Ferreira do Zêzere ainda sem luz

Três dias depois do temporal que afectou o país, parte da população do concelho de Ferreira do Zêzere continua sem electricidade, enquanto 55 homens e 20 viaturas dos bombeiros locais continuam envolvidos em operações de limpeza.Estufas agrícolas, aviários, postes de alta, média e baixa tensão danificados pela queda de árvores, queda de telheiros e beirados, vias obstruídas e falha nas telecomunicações foram alguns dos prejuízos que se fizeram sentir naquele concelho do distrito de Santarém.O comandante dos Bombeiros Voluntários de Ferreira do Zêzere, Rui Patrício, disse esta terça-feira, 22 de Janeiro, que os homens da corporação têm estado activos na realização de trabalhos de desobstrução de vias, trabalhos de limpeza e corte de árvores em risco de queda."Noventa por cento do nosso trabalho, com a ajuda da protecção civil municipal, tem sido com motosserras, a cortar árvores que estão a obstruir estradas e caminhos ou em vias de cair e provocar estragos em habitações ou similares", disse Rui Patrício.Segundo este responsável, a situação é "recorrente" no concelho, por força da sua grande mancha florestal, notando que "os meios estiveram preparados para este tipo de intervenções e a população também respondeu"."Não há pessoas feridas ou para realojar, mas houve situações melindrosas, como o caso de uma grande árvore que caiu para cima de um telhado de um aviário, tendo provocado a morte de algumas aves", assinalou.Com os serviços públicos do concelho "assegurados e a laborar com alguma normalidade", ainda há falta de telecomunicações e electricidade em cerca de dez por cento das habitações, observou Rui Patrício, acrescentando que é em "algumas empresas e no sector da restauração" que se registam os maiores prejuízos."Algumas empresas do concelho registaram problemas e prejuízos avultados devido à falta de luz eléctrica, como empresas de agroindústria, criação de animais e rações e também grande parte de restaurantes, cafés e talhos”, disse.O comandante dos Bombeiros de Ferreira do Zêzere acrescentou que a venda de velas, lanternas e geradores "disparou" em todo o concelho.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo