Sociedade | 28-01-2013 11:07

Cáritas de Vila Franca de Xira atinge o limite da capacidade

A Cáritas de Vila Franca de Xira atingiu "o limite" e já não consegue responder aos pedidos de ajuda de famílias carenciadas que diariamente chegam à instituição, alertou esta segunda-feira, 28 de Janeiro, a coordenadora."Estamos efectivamente no limite. Para se aumentar o número de famílias a apoiar, não poderíamos responder com dignidade a nenhuma delas. Actualmente, a experiência diz-nos que há gente a sobreviver abaixo do limiar da pobreza",salientou Carla Pereira à Lusa.A Cáritas de Vila Franca de Xira tem capacidade para ajudar com bens alimentares cerca de 200 famílias, mas presta apoio a 212 agregados familiares."Apoiávamos à volta de 75 famílias que, em pouco tempo, passaram para as 270. Como as necessidades são cada vez mais graves, vimo-nos obrigados a fazer uma selecção mais rigorosa, o que nos levou às actuais 212 famílias", explicou a coordenadora local da instituição.Carla Pereira acrescentou que a Cáritas apoia algumas das pessoas "há muito tempo", principalmente idosos, mas advertiu que há vez mais ‘novas’ famílias de Vila Franca de Xira que, "quase diariamente", aparecem a pedir ajuda."São famílias monoparentais, sobre-endividadas e casais desempregados. A tendência é para que os pedidos de ajuda aumentem, uma vez que o desemprego continua a crescer e os subsídios vão acabando", alertou.O Banco Alimentar Contra a Fome fornece os alimentos à Cáritas. Carla Pereira diz que "tem havido alguma diminuição na quantidade dos produtos, principalmente de frescos".

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Médio Tejo