Sociedade | 02-10-2013 13:14

Director da Segurança Social diz que pagamento de obras do CRIC está desbloqueado

O director regional da Segurança Social de Santarém, Tiago Leite, garante que as facturas referentes ao meses de Fevereiro, Março, Abril e Maio das obras de ampliação do centro de actividades ocupacionais e de construção de uma residência autónoma do Centro de Reabilitação e Integração de Coruche (CRIC) estão validadas. Em causa estão cerca de 159 mil euros para financiamento da empreitada e que a direcção da instituição de apoio social aguarda há algum tempo. Tiago Leite confirma que a autorização de pagamento por parte da Segurança Social foi emitida na sexta-feira, 27 de Setembro, dia em que O MIRANTE contactou o director regional. O dinheiro deve estar disponível nos próximos dias.Em Julho deste ano o executivo municipal de Coruche tornou pública a situação ao exigir junto do Governo e de várias entidades a regularização do apoio aprovado para financiar as obras. O presidente da câmara, Dionísio Mendes, disse a O MIRANTE ter informação do CRIC que em atraso estavam cerca de 159 mil euros referentes aos meses de Fevereiro, Março, Abril e Maio deste ano que deviam chegar através do Programa Operacional de Potencial Humano (POPH), gerido pela Segurança Social.* Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1360
    19-07-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1360
    19-07-2018
    Capa Vale Tejo