Sociedade | 07-11-2013 13:14

Doente agarrou médico pelos colarinhos e quis tratar-lhe da saúde

João Silva é um médico de família com uma história original. Tem vários casos de incompatibilidade com os seus doentes e segundo testemunhas tem caprichos no exercício da sua profissão que ninguém espera de um médico. O seu caso está a ser seguido pelas entidades competentes mas já se estende no tempo e ultrapassou tudo o que é razoável. Há dias um doente agarrou-a pelos colarinhos e só não chegou a vias de facto porque alguém interveio na hora certa. Os problemas com o médico João Silva já são conhecidos em vários locais onde trabalhou. Mesmo na Chamusca já se arrastam há alguns anos. O coordenador do Centro de Saúde da Chamusca, Artur Barbosa diz mesmo que nunca viu uma coisas assim. "O senhor é mesmo problemático; e não por acaso já teve consultas psiquiátricas para avaliação da sua situação clínica". O comportamento do médico João Silva tem sido turbulento por onde tem passado. No Entroncamento teve problemas graves. Terá chegado a ser agredido. Na Chamusca a contestação foi muito forte e João Silva não se livrou mesmo de ter que se fechar no gabinete para não ser alvo da ira de alguns utentes."Foi um acumular de situações graves que levaram ao seu afastamento do concelho da Chamusca durante algum tempo. "Mas regressou e, infelizmente, não voltou melhor", afirmou Artur Barbosa, que lamenta ainda ter que reconhecer que aparentemente o colega não tem condições para exercer a sua profissão. * Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Médio Tejo