Sociedade | 15-12-2013 08:12

Vila Franca continua a arder com os custos dos acessos ao novo hospital

Os acessos ao novo hospital de Vila Franca de Xira foram pagos pela câmara local para que a construção ficasse pronta a tempo mas dos municípios abrangidos pela unidade de saúde apenas Benavente e Azambuja estão a ressarcir o município de Vila Franca. Oito meses depois da abertura do equipamento, Alenquer e Arruda dos Vinhos ainda não transferiam um cêntimo sequer dos valores que acordaram pagar. Os novos autarcas destes dois municípios prometem honrar os compromissos, não se sabe é quando.A Câmara de Vila Franca de Xira adiantou o pagamento de 3,8 milhões de euros que custou a empreitada. Alenquer ficou de entrar com 660 mil euros e Arruda dos Vinhos com 200 mil euros. Benavente comprometeu-se a pagar 463 mil euros e já liquidou cerca de 300 mil euros. Azambuja, que vive com uma situação financeira difícil, já liquidou 85 mil euros dos 344 mil euros que lhes cabe de comparticipação. Os presidentes de Alenquer e Arruda dos Vinhos, respectivamente Pedro Folgado e André Rijo, confirmam as dívidas mas não se comprometem com uma data para as liquidarem, dizendo que estão a analisar os dossiês.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Vale Tejo